O Roteiro Minas Gerais histórica consegue conservar o romantismo da época colonial de forma magistral. Os edifícios históricos e a simplicidade de sua gente, que trata a todos como se fossem de casa, ajudam a manter o espírito nostálgico do estado.

No nosso tour por Minas Gerais histórica estão cidades como São João Del Rei, Tiradentes, Congonhas e Ouro Preto. Assim como as obras barrocas, elas foram construídas de forma caprichosa e usando como pano de fundo a beleza natural dos campos mineiros.

Para aproveitar bem o que cada município tem a oferecer, faça o aluguel de um veículo e desfrute calmamente destas quatro localidades. Você pode retirar o seu carro em São João del Rei, a maior cidade da região.

São João Del Rei

Com fortes traços coloniais, São João Del Rei conserva os elementos clássicos do barroco, vistos na Catedral Basílica de Nossa Senhora do Pilar e no Museu da Arte Sacra.

roteiro-minas-gerais-historica
São João Del Rei – Por Adelano Lázaro (Trabalho próprio pelo carregador) [CC BY-SA 4.0], undefined

Uma visita ao centro histórico já garante um tour satisfatório pela cidade, por lá você encontra o Pelourinho, o Solar da Baronesa de Itaverava, o Memorial Tancredo Neves, o Museu da Força Aérea Expedicionária Brasileira e o Teatro Municipal.

Em um dia é possível apreciar bem a visita para então colocar o carro na estrada e descobrir o restante das cidades do tour por Minas Gerais. A nossa próxima parada é Tiradentes.

Tiradentes

Quando a noite cai em Tiradentes, lampiões são acesos para iluminar as ruas e as charretes dispostas na Praça Largo das Forras ficam à espera dos turistas para um passeio pelo centro histórico da cidade. Tiradentes não ficou parada no tempo, apenas soube aproveitar a sua rica história para criar uma volta ao passado e diferenciar-se das outras.

Os casarões e as lojinhas que vendem produtos artesanais são encontrados na área da Praça Largo das Forras. Nesta praça ainda é possível ver aquela calmaria de interior, com as pessoas usufruindo do espaço público para encontrar os amigos ou jogar carteado.

roteiro-minas-gerais-historica
A Matriz de Santo Antônio foi construída em 1710 – Por Hmamede (Trabalho próprio pelo carregador) [CC BY-SA 4.0], undefined

As construções do século 18 são vistas por todos os lados, a maior parte está concentrada na região central e você consegue descobrir facilmente os principais pontos turísticos. A Matriz de Santo Antônio, a Igreja Nossa Senhora das Mercês dos Pretos Crioulos e o Centro Cultural Yves Alves, antro da cultura local, estão bem próximos uns dos outros.

Antes de encerrar a visita a cidade, não deixe de conferir as lojas de doces. Feitos de forma artesanal, estas vendas comercializam produtos que dão água na boca, como o doce de leite e as compotas.

Congonhas

Seguindo rumo ao norte, encontramos Congonhas. Protegida pelo olhar atento dos doze profetas, a esplêndida Congonhas tem todas as características barrocas. As históricas esculturas feitas por Aleijadinho para a Basílica do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, localizada no alto do Morro Maranhão, emocionam os apaixonados por arte. Um monumento tão importante e fundamental para a cultura brasileira está ali, ao ar livre, demonstrando a sua perfeição e sobrevivendo ao tempo.

roteiro-minas-gerais-historica
Os doze profetas de Aleijadinho na Basílica do Senhor Bom Jesus de Matosinhos – Por Silvia Schumacher (Trabalho próprio pelo carregador) [CC BY-SA 4.0], undefined

A fé é provavelmente o que move esta cidade. Muitas construções têm alguma referência com a crença em algo superior e outras foram erguidas para abrigar romeiros em sua trajetória de agradecimento a prece atendida. A Romaria, antiga pousada para romeiros sem tantas condições financeiras, agora é um museu que guarda a história da cidade. No espaço você também encontra lanchonete e lojas de souvenir.

Para se aprofundar ainda mais na temática religiosa, procure a Matriz de Nossa Senhora da Conceição, com a porta feita por Aleijadinho, e a pequena Igreja de Nossa Senhora do Rosário, erguida por escravos.

Ouro Preto

Ouro Preto, situada a mais ou menos meia hora de Congonhas, se valeu do apogeu do ouro para se desenvolver. A cidade foge de tudo aquilo que vemos diariamente e a arte barroca de seus edifícios se mantém intacta.

Ouro Preto é a mais digna representação deste tipo de arte, seu título de Patrimônio Histórico Mundial é apenas uma afirmação para aquilo que é óbvio.

roteiro-minas-gerais-historica
Ouro Preto é a maior amostra da opulência da arte barroca brasileira – Por Adam Jones Adam63 (Trabalho próprio pelo carregador) [CC BY-SA 3.0], undefined

Como ela é cheia de atrações, vamos separar seus atrativos por áreas. Começando pelo centro, você pode iniciar o tour pela Igreja de Nossa Senhora do Carmo, partir para o Museu do Oratório (anexo à igreja) e o Museu da Inconfidência, todos no mesmo perímetro. Ainda na parte central, há a Igreja de São Francisco de Assis e o incrível Teatro de Ouro Preto.

No bairro Pilar está a mais rica e imponente igreja da cidade, a Matriz de Nossa Senhora do Pilar, com interior de ouro e prata. No subsolo da catedral está o Museu de Arte Sacra do Pilar.

Quando a noite aparecer, siga ao norte até a Igreja São Francisco de Paula. Situada em um morro, a igreja forma o cenário perfeito para fotos.

Como chegar

São João Del Rei até Tiradentes: Partindo do aeroporto da cidade, siga pela Avenida Trinta e Um de Março fazendo o retorno para cair na Avenida dos Independentes. Depois entre na Rua Antônio A da Silva seguindo à esquerda para a Avenida Min. Gabriel Passos. A Rua Padre Livramento já é o início de Tiradentes.

Tiradentes até Congonhas: Entre na Avenida Min. Gabriel Passos e siga ao norte, cruzando a cidade de Santa Cruz de Minas. Seguindo as placas, vá até a Av. Trinta e Um de Março/BR-383. Continue na BR-383 até a rotatória, pegue a segunda saída e entre em Congonhas.

Congonhas até Ouro Preto: Pela região sul pegue a BR-040 para depois entrar na rodovia estadual MG-030. A rodovia corta a cidade de Ouro Branco e você deve seguir viagem até surgir a Estrada para Ouro Branco. Depois pegue a Av. Rodrigo Silva que o levará diretamente até Ouro Preto.

Ouro Preto até São João Del Rei: Pegue o acesso para a Avenida Américo Renê Giannetti e siga em frente para entrar na Estrada para Ouro Branco, a rodovia MG-443. Passe pela cidade de Ouro Branco, sempre pela MG-443. Mais para frente há uma bifurcação, dali pegue a MG-030. Depois vire à esquerda na MG-443 e vire à direita na BR-040. No cruzamento entre na BR-383 que o levará até São João Del Rei.

E você, já realizou este tour histórico? Deixe a sua mensagem!

Receba as ofertas Rentcars.com!

Você fará parte da nossa lista VIP para receber ofertas exclusivas de até 30% e roteiros para os destinos mais incríveis do mundo.



Atenção! Todos os esforços foram feitos para validar as informações dos textos publicados neste blog no momento da sua redação, porém a Rentcars.com não se responsabiliza por imprecisões ou alterações futuras que possam ocorrer em função do dinamismo das ofertas e condições do mercado de turismo. Os artigos aqui publicados, assim como os eventuais comentários de seus leitores, têm caráter meramente informativo e cabe ao cliente validar antecipadamente junto a Rentcars.com e/ou Locadoras qualquer informação que possa afetar seus planos de viagem.

Deixe um comentário

1 × 1 =