Sem dor de cabeça para viajar! Descubra os documentos exigidos, onde são válidos e como solicitar antes de embarcar na próxima viagem!

Cada país tem suas exigências e regulamentações de trânsito, por isso quando for escolher o destino da próxima viagem de carro, atente-se aos documentos exigidos. Aqui, vamos solucionar as principais questões sobre a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), PID (Permissão Internacional para Dirigir) e o Seguro Carta Verde, mas é sempre bom lembrar que a equipe de atendimento da Rentcars pode auxiliar em toda e qualquer dúvida sobre aluguel de carros no Brasil e no Exterior. Não deixe de nos consultar!

CNH Digital 

Aqui no Brasil, utilizamos a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) como a nossa Carteira de Motorista, um documento obrigatório para dirigir de Norte a Sul do país e, também, em alguns países como veremos na lista a seguir.

A CNH é válida nos seguintes países*:

  • África do Sul
  • Alemanha
  • Argentina
  • Austrália
  • Bélgica
  • Bolívia
  • Brasil
  • Canadá
  • Chile
  • China
  • Colômbia
  • Coreia do Sul
  • Costa Rica
  • Croácia
  • Cuba
  • Dinamarca
  • Equador
  • Espanha
  • Estados Unidos
  • França
  • Grécia
  • Guatemala
  • Guiana
  • Honduras
  • Hungria
  • Indonésia
  • Israel
  • Itália
  • Marrocos
  • Noruega
  • Nova Zelândia
  • Países Baixos
  • Paraguai
  • Peru
  • Portugal
  • Reino Unido
  • Reino Unido
  • República Dominicana
  • República Tcheca
  • Rússia
  • Suécia e Suíça
  • Tailândia
  • Uruguai
  • Venezuela

*Alguns desses países só aceitam a CNH com a presença da PID, conforme veremos adiante.

Hoje, graças ao avanço da tecnologia, temos a opção de baixar uma versão digital da CNH no celular, tendo a mesma função e legitimação da versão física. Porém, a versão digital é aceita apenas no Brasil. Em todos os outros países, é necessário portar o documento impresso.

Para obter a versão digital da CNH, confira o passo a passo:

  1. Acesse o site do Senatran;
  2. Clique em ‘Cadastro’ e preencha todos os campos;
  3. Você receberá um link de ativação no e-mail que foi cadastrado;
  4. Acesse o link e siga as instruções;
  5. Vá ao Detran da sua cidade, onde foi emitida sua CNH impressa e valide seus dados;
  6. Baixe o app ‘CDT’ e preencha as informações;
  7. Faça a prova biométrica facial para ativar seu cadastro;
  8. Cadastre sua senha e pronto: CNH-E feita com sucesso!

Fique atento: verifique que você está baixando o app ‘CDT’ oficial, pois podem existir opções falsas com único intuito de salvar suas informações. Além disso, cadastre uma senha que você lembrará facilmente posteriormente, pois ela será solicitada toda vez que você precisar consultar sua CNH-E, estando ou não com internet. Todo o processo é confiscado pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro),  a fim de proporcionar mais segurança ao usuário.

Lembrando que o app está disponível para os sistemas Android e iOS. E apenas o primeiro uso requer que o usuário esteja conectado em uma rede WiFi, posteriormente você poderá acessar também offline. 

Baixando sua CNH-E, você dispensa a necessidade de imprimir papel, tornando todo o processo mais sustentável e ainda a mantém mais segura, sempre com você, de forma rápida e facilitada.

Outro documento que você pode adquirir em versão digital, é o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), mas esse ainda não permite validação no Brasil inteiro

PID (Permissão Internacional para Dirigir)

A PID é uma licença de habilitação internacional com as mesmas informações da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), só que traduzida em nove idiomas (inglês, espanhol, português, chinês, japonês, árabe, russo, francês e alemão). Ela permite a seu portador conduzir em qualquer um dos mais de 100 países signatários da Convenção sobre Trânsito Viário, firmada em Viena, em 1968.

A exigência da PID para a locação de um carro varia muito de país para país. Em geral, a CNH é aceita por tempo limitado, e posterior ao período, a PID é obrigatória. Mas, por exemplo, na África, Oriente Médio, Austrália, Nova Zelândia e alguns países da Europa, você precisará apresentar sua CNH junto com a PID independente do tempo que ficará. Para evitar qualquer problema, você pode solicitar a sua PID diretamente no Detran da sua cidade.

No Japão não é possível que brasileiros dirijam, nem com CNH, nem com PID, pois é preciso entender as placas de sinalização japonesa. Por isso, para ser habilitado a dirigir por lá, é necessário solicitar uma tradução na Japan Automobile Federation (JAF) ou na embaixada/consulado do país. 

Seguro Carta Verde

Se você está programando atravessar a fronteira do Brasil com a Argentina, Uruguai e outros países do Mercosul (confira a lista completa aqui), é importante saber que existe um seguro obrigatório para transitar entre esses territórios e ele se chama Carta Verde.

Esse seguro garante a cobertura de Responsabilidade Civil Facultativa, ou seja, o pagamento das despesas que seriam do motorista do carro em um eventual acidente causado por ele.

De forma simplificada, aqui está uma lista do que é coberto pelo seguro Carta Verde:

  • Danos materiais à terceiros
  • Danos corporais à terceiros (incluindo despesas médicas)
  • Gastos legais, como pagamento de honorários e outras taxas

Para contratar o seguro, existem algumas opções. A mais comum é entrar em contato com uma seguradora mesmo ou solicitar a emissão pelo Consulado e agências bancárias. Já o preço varia de acordo com a quantidade de dias contratados, que pode ir de 3 a 30 dias, e da cobertura. Você consegue encontrar o seguro a partir de aproximadamente R$50.

Você pode conferir as principais perguntas e respostas sobre o seguro Carta Verde neste artigo do RentBlog.

Conheça o mundo de carro!

Conheça os melhores destinos de carro! Compare preços de mais de 200 locadoras pelo mundo e reserve um carro com o melhor preço e condições.

Receba as ofertas Rentcars.com!

Você fará parte da nossa lista VIP para receber ofertas exclusivas de até 30% e roteiros para os destinos mais incríveis do mundo.



Atenção! Todos os esforços foram feitos para validar as informações dos textos publicados neste blog no momento da sua redação, porém a Rentcars.com não se responsabiliza por imprecisões ou alterações futuras que possam ocorrer em função do dinamismo das ofertas e condições do mercado de turismo. Os artigos aqui publicados, assim como os eventuais comentários de seus leitores, têm caráter meramente informativo e cabe ao cliente validar antecipadamente junto a Rentcars.com e/ou Locadoras qualquer informação que possa afetar seus planos de viagem.

Deixe um comentário